Nelson Coelho de Castro




Nelson Coelho de castro nasceu em Porto Alegre no dia 17 de abril de 1954. A vocação pela música vem de casa: escuta desde pequeno a mãe cantarolar clássicos da MPB via Rádio Nacional e o pai a tocar gaita de boca com os tios. Entre 1965 e 68, participa do grupo de meninos cantores do Colégio São João.

Nas Rodas de Som projeto de Carlinhos Hartlieb de 1975, Nelson faz sua estréia como compositor. Em 1976 participa dos Festivais Universitários da PUC. Ali, com a música "Futebol", recebe o Prêmio de Originalidade. No mesmo ano em que se forma em Jornalismo - 1977 - realiza seu primeiro espetáculo E O Crocodilo Chorou, ao lado do seu grupo Olho da Rua e dirigido por Luciano Alabarse.

Em 78, as canções "Rasa Calamidade" (sobre a miséria e altivez da Vila Cruzeiro do Sul de Porto Alegre) e "Águias" irão fazer parte primeiro registro fonográfico de seu trabalho através do LP, histórico, o coletivo Paralelo 30, produzido pelo jornalista Juarez Fonseca.

Em 1979, lança seu primeiro compacto, Faz A Cabeça e, entre 80-81, produz e lança, o primeiro disco independente produzido no Estado, Juntos - um marco na música gaúcha e que vai influenciar outros compositores neste segmento alternativo, esse trabalho foi relançado em CD em 1996.

Já em 83, grava o LP Nelson Coelho de Castro (RGE), o sucesso "Vim Vadiá", marcou época. No mesmo ano em que vence o 1º Festival Latino Americano da Canção - Musicanto. Recebe o Prêmio Tibicuera com o musical infantil "Cidade do Lugar Nenhum"; participa da trilha sonora do filme Verdes Anos, com a canção "Armadilha" e ganha o título de Personalidade do Ano pela crítica especializada.

Com o disco Força D'água (Ariola) em 85, tem seu primeiro lançamento nacional. Ainda nesta época recebe o Prêmio Açorianos - Melhor Trilha Sonora para Teatro - para a peça o Doce Vampiro, de Carlos Carvalho. Foi um dos fundadores da Cooperativa dos Músicos de Porto Alegre sendo o primeiro presidente de 87 a 89.

Em 1991, fez parte do espetáculo Compor Canta Lupi, em homenagem a Lupicínio Rodrigues, resultando em um LP, onde ele canta "Esses Moços".

Em 1996, inicia a gravação do quarto disco de sua carreira: o Cd, Verniz da Madrugada que conquista três Prêmios Açorianos: Melhor Disco do Ano, Melhor Compositor e Melhor Disco de MPB.

Com o show "Juntos Ao Vivo" com Bebeto Alves, Gelson Oliveira e Totonho Villeroy conquista o Prêmio Açorianos de Melhor Espetáculo do Ano de 1997 e Disco do Ano e Disco de MPB em 1998.

Em 2000, lança o Cd Coletânea, com músicas de seu segundo e terceiro discos pela gravadora Barulinho.


É selecionado para o projeto "Itaú - Rumos Culturais, Cartografia Brasileira". O Projeto lança uma coleção chamada "Cartografia Musical Brasileira", de dez CDs divididos regionalmente, que estabelece uma amostragem de 78 artistas e grupos independentes (sejam novos ou veteranos), abrangendo variadas vertentes da música popular e instrumental. Sob patrocínio do Itaú, o pacote é viabilizado comercialmente pela associação de dez gravadoras independentes espalhadas pelo Brasil inteiro. Nelson participa com as faixas "Ele Vem de Manhã" e "Colombina".


Em 2001 sai o Cd Da Pessoa (Fumproarte), pelo qual recebeu novamente o Premio Açorianos de Música. Tem 15 músicas, todas de autoria de Nelson (apenas uma, “Pérola no Veludo”, é em parceria com Cezar Ulysses Coelho de Castro). Várias delas têm menos de um minuto, podendo até ser definidas como vinhetas. Mas é importante notar que elas não são brincadeirinhas, como geralmente as vinhetas são.

Um dos destaques do disco é “Futebol”, música com a qual Nelson Coelho de Castro venceu o prêmio de originalidade no festival Musi-PUC em 1977. A instrumentação típica do samba é usada sem que se configure o ritmo de samba, enquanto na letra o compositor fala de dribles e impedimentos – metáforas à ditadura, pra enganar a censura dos militares.

Além de Nelson (voz e violão), o disco tem a participação de Edílson Ávila (guitarra e violão), Mário Carvalho (baixo), Michel Dorfman (teclados) e Fernando do Ó e Giovani Berti nas percussões.

A parceria com Bebeto Alves, Gelson Oliveira e Totonho Villeroy foi repetida em 2002, quando fizeram uma turnê pela Europa (Paris, Viena e Munique) para o lançamento do Cd Povoado das Águas, fazendo, no retorno, uma apresentação no Fórum Social Mundial de Porto Alegre, para mais de 70 mil pessoas.

Em 2004, faz a pré-produção do seu novo trabalho e a gravação do Cd A Cidade do Lugar Nenhum, premiado espetáculo infantil. É classificado com a música "Cidade" parceria com Sérgio Napp no concurso sobre músicas de Porto Alegre.

Em 2005 participa do Projeto Sonoras Energias, patrocinado pela AES Sul, em um roteiro por seis cidades do interior gaúcho, continua a pré-produção de seu novo Cd, com canções inéditas, chamado provisoriamente de Lua Caiada, pelo selo homônimo. E começa a pesquisar, reunir, atualizar textos, crônicas, memórias e ensaios sobre cultura, que farão parte de um livro seu, a ser lançado esse ano.

Entre seus grandes sucessos estão: "Armadilha", "Verniz da Madrugada", "Tão Bonita Voz", "Ver-te Algo Teu", "Pátria Mãe", "Vim Vadiá", "Aquele Tempo do Julinho", "Legislativo", "Rapaz" e "Cristal".


DISCOGRAFIA:

• Paralelo 30 (ISAEC, 1978)
• Faz A Cabeça (single) (ISAEC, 1979)
• Juntos (Independente, 1981)
• Nelson Coelho de Castro (RGE, 1983)
• Força D'Água (ARIOLA, 1985)
• Veniz da Madrugada (Independente, 1996)
• Juntos Ao Vivo, com Bebeto Alves, Gelson Oliveira e Totonho Villeroy (RBS Discos, 1998)
• Coletânea (Barulinho, 2000)
• Paralelo 30 – Ontem e Hoje (Unisinos, 2001)
• Da Pessoa (Independente, 2001)
• Cartografia Musical Brasileira (vários artistas)(Itaú Cultural, 2001)
• Juntos 2 – Povoado das Águas (Atração Fonográfica, 2002)


>>>Coloboração especial de Luis Fernando Bondan, que disponibilizou a discografia.


Divirta-se com os discos desse ícone da MPG:


Compacto (1979)














01 - Faz A Cabeça
02 - Hei De Ver





Juntos (1981)













01 - O Beijo
02 - Armadilha
03 - Juntos
04 - Zé - Aquele Tempo do Julinho
05 - Todos Homens
06 - Desfilar
07 - Vanda Bonita
08 - Sol
09 - Ponto Nodal
10 - Por Favor
11 - Não Sofro A Toa
12 - Gosto





Nelson Coelho de Castro (1983)














01 - Ver-te / Algo teu
02 - Saudade Une Nada
03 - Tão Bonita Voz
04 - Nata
05 - Magro
06 - Legislativo
07 - Vim Vadiá
08 - Vô Nem Aí
09 - Assim Num Dá Bicho (Para Quê)
10 - Todo Meu Amor Que Ela Evita
11 - Cristal





Força D'água (1985)














01 - Pátria Mãe
02 - Dais Um Pavor
03 - Neguinha
04 - Sertório
05 - Desanda Paixão
06 - Força D'água
07 - Não seguro (Estive Caus)
08 - Lua Pra Mim
09 - Pra Minha Prima





Verniz da Madrugada (1996)














01 - Rapaz
02 - Oriô Babau
03 - Teu Não é Sim
04 - Ele Vem de Manhã
05 - Afiador (vinheta)
06 - Colombina
07 - Imperadores do Universo
08 - A Sua Espera
09 - Viajar
10 - Homem Alma
11 - Mariana
12 - Céu de Abril
13 - Me Beija
14 - Arabutã, 903
15 - Camaleão
16 - Cadê A Véia?
17 - Verniz da Madrugada





Da Pessoa (2001)













01 - No Braço Com A Vida
02 - Santa
03 - Primeiro Milagre
04 - Futebol
05 - Cachorro Chinês
06 - Teu Nome
07 - Guia
08 - Serra Geral
09 - Embaixo do Brasil
10 - Outro Mar
11 - Mestre Neri
12 - Felpa
13 - Pérola no Veludo



25 comentários:

AirtinhoV disse...

Maravilha, isso sim eu chamo de raridade.
O melhor site do mundo.
Obrigado, baixando.

Luiz Assunção disse...

Cara isso é demais, tudo do Nelson Coelho de Castro, só discão, rola Raul Ellwanger??

Parabéns pelo melhor site que já vi na vida.

Anônimo disse...

Como eu fui achar esse blog só agora??? Coo faço pra baixar o Nelson Coelho de Castro??? Que site é esse (up-file) que não mostra link nenhum pra gente baixar e nem informa se o arquivo não é mais válido???
Valeu pelo espaço, mas baixar que é bom, nada...
Dá pra dar uma forcinah pra nós aí???
Marcos - Porto Alegre

Anônimo disse...

Putz, foi mal...
Consegui baixar graças à sua orientação que tava logo ali no canto...
Obrigado mesmooo!!!

Nelson Coelho é demaaaais!!!

Marcos

Anônimo disse...

TU PODE POSTAR NOVAMENTE O FORÇA D'ÁGUA???
O ARQUIVO FOI DELETADO!!

VALEU

MARCOS

Anônimo disse...

Oi, tudo bom!?
Os arquivos do Nelson Coelho de Castro:
Nelson Coelho de Castro (1983)
Força D'água (1985)
Não estão funcionando, tambem o DeFalla DeFalla não esta disponivel.
obrigado...

RamonRamyres disse...

Amigo anônimo:

Nelson 1983 está funcionando...
Infelizmente o Força foi deletado por alguém mal intencionado...
No momento não tenho como recolocá-lo no ar...
Um abraço

Anônimo disse...

caraka! tem como repostar o força dagua de 85?? o link espirouo

Anônimo disse...

Cara, show de bola. Existe vida inteligente na internet. Parabéns.
Tem como colocar novamente o disco de 1983? Não tá mais funcionando. Nem no orkut achei... :o(

Anônimo disse...

COMO FAÇO PRA CONSEGUIR BAIXAR OS DISCOS DE NELSON COELHO DE CASTRO, ESTOU TENTANDO MAS DIZ QUE NÃO ESTÃO DISPONÍVEIS... TEM COMO RECOLOCAR NO AR PARA DOWNLOAD?
OBRIGADA E ADOREI A PÁGINA, ASSIM COMO O BLOG TODO TÁ MUITO LEGAL!!!
RARIDADES QUE ME FAZEM LEMBRAR DA MINHA TERRINHA, O RIO GRANDE TCHÊ!!!

Anônimo disse...

Por favor reupe o Nelson Coelho de 1983. O site Up-File esta fora do ar.
Valeus

zéantonio vargas disse...

Cara, muito legal, mesmo! tem muita informação. Sou jornalista, tenho um blog www.dinossauroseafins.blogspot.com onde entrevisto pessoas ligadas ao teatro, cinema, música e afins. Vou publicar uma entrevista com o Nelson em junho. Valeu! Abraço Zé antonio vargas

Anônimo disse...

LINK PARA DOWNLOAD DO "FORÇA D'ÁGUA"


http://rs384.rapidshare.com/files/131647324/nelson_coelho_castro_For_a_Dagua.rar

Anônimo disse...

Meu, MUITO OBRIGADO.
Cara, faz anos, muitos anos que procurava estes discos.

valeu mesmo.

Anônimo disse...

Nosaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!!! Que maravilha! Espero que de certo, estou baixando agora, se der errado valeu na mesma so pela alegria da espera! Estou encantada, Lisboa agradece.

Anônimo disse...

ola será que vc poderia postar novamentos, todos estão dando erro. abrçao e parabens pelo belo trabalho

Anônimo disse...

O link do rapidshare do Força D'água ainda funciona, mas os outros não... Ninguém sabe onde acho os outros discos?? Ou alguém podia subir em algum server ae pra galera baixar, né? To procurando o 'Juntos' e o 'N.C.Castro'...

Luís Braga disse...

TCHÊ DE DEUS, NÃO CONSIGO BAIXAR OS ARQUIVOS. ME AJUDA. TEU BLOG É DEMAIS!!!!!

Anônimo disse...

o link ta quebrado...
o blog do cara e bom pacas!!!!

Márcia disse...

não consigo baixar as músicas do nelson coelho de castro

Rosana e Ricardo disse...

Nào conseguimos baixar as músicasssssssssss!1
Nos ajudem por favor

Roberto disse...

Dois mestres, o Nelson e o cara que edita este blog. Muito obrigado!

Anônimo disse...

Oi, dono do blog. Muito bom teu blog que praticamente conta a história musical do nosso pago urbano. Mas só abre uma página que não tem nada. Não dá prá baixar.

EUCAJUS disse...

Estou de cara! Amei esta Site, minha vida musical esta toda aqui! Parabéns, vou colocar o banner no meu blog: eucajus-textos.blogspost.com

Anônimo disse...

putz... cheguei tarde... o site já acabou!

Postar um comentário

 
RamonR